Nineteen Eighty-Four – 1984 (George Orwell)

Eric Arthur Blair, também conhecido como George Orwell (1903 - 1950)

Capa do livro. A mesma edição que tenho ao meu lado.

Hoje, dia 8, é comemorado o aniversário de 62 anos de lançamento do livro 1984, de George Orwell, publicado pela primeira vez em 8 de junho de 1949. Os escritos de Orwell retratam o cotidiano de um regime político totalitário e repressivo no ano homônimo. No livro, o autor mostra como uma sociedade oligárquica coletivista é capaz de reprimir qualquer um que se opuser a ela. A história narrada é a de Winston Smith, um homem com uma vida aparentemente insignificante, que recebe a tarefa de perpetuar a propaganda do regime através da falsificação de documentos públicos e da literatura a fim de que o governo sempre esteja correto no que faz. Smith fica cada vez mais desiludido com sua existência miserável e assim começa uma rebelião contra o sistema.

O romance se tornou famoso por seu retrato da difusa fiscalização e controle de um determinado governo na vida dos cidadãos, além da crescente invasão sobre os direitos do indivíduo. Desde sua publicação, muitos de seus termos e conceitos, como “Big Brother”, “duplipensar” e “novilíngua” entraram no vernáculo popular. O termo “Orwelliano” surgiu para se referir a qualquer reminiscência do regime ficcional do livro. O romance é geralmente considerado como a grande obra de Orwell.

O reality show Big Brother, desenvolvido pelo holandês John de Mol, é uma referência ao personagem do Grande Irmão de 1984. Assim como as câmeras e escutas por todos os lados do programa tem a ver com a idéia de teletela, também do livro. Uma receita de sucesso do capitalismo é manejar seres humanos através do manejo dos objetos. Melhor ainda quando os seres humanos são os próprios objetos (aqui deixo visível que não sou partidário da perversidade deste programa).

Aliás, 1984 é um dos meus livros preferidos e George Orwell um dos autores que mais li. Outros dois títulos maravilhosos dele são: A Revolução dos Bichos e Mantenha O Sistema.

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Literatura

Uma resposta para “Nineteen Eighty-Four – 1984 (George Orwell)

  1. Maizá Luiz Paulo, muito bom o texto!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s